Notícia

Acadêmicos de Publicidade e Propaganda atendem entidades da região em Estágio Supervisionado

Publicado dia 18/12/2018 às 02:50

Na última semana, aconteceram as bancas da disciplina de Estágio Supervisionado, ministrada pelos professores Everton Lozáppio e Jozieli Cardenal ao 6º período do curso de Publicidade e Propaganda da Faculdade de Pato Branco (FADEP). Por meio do estágio, a turma desenvolveu estratégias de comunicação para atender entidades de cunho social que atuam em Pato Branco, Francisco Beltrão, Dois Vizinhos, São João e São Lourenço do Oeste.

A turma pôde atender às seguintes entidades e projetos: Feira do Produtor Rural de Francisco Beltrão, APAE de São Lourenço do Oeste (SC), Gralha Azul – SCFV, de São João, Grupo PET Agronomia da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) – Câmpus Pato Branco, Casa Terapêutica Renascer, de Dois Vizinhos, Semana Acadêmica do curso de Publicidade e Propaganda da FADEP e o Programa de Atendimento ao Discente da FADEP, o Padis.

Para o professor Everton Lozáppio, a disciplina cumpriu novamente o seu papel, uma vez que objetiva a provocação acadêmica e a promoção do desafio em colocar os alunos em contato com demandas reais de mercado, por meio da prática do exercício de todas as áreas profissionais de um publicitário.

“Neste semestre, houve uma pluralidade na escolha dos clientes atendidos, o que trouxe um grande enriquecimento durante as socializações, pois os desafios e o crescimento da profissão são premissas de qualquer segmento a ser atendido pelo publicitário”, destaca Everton.

A atuação dos alunos diante das demandas apresentadas pelas entidades também foi evidenciada por Everton. “Felizmente, obtivemos bons trabalhos que qualificam os acadêmicos dentro das expectativas para uma atuação com referência no mercado de trabalho”, salienta o professor.

Para a professora Ma. Jozieli Cardenal, por se tratarem de instituições e iniciativas de cunho social, muitas das entidades atendidas não possuem um planejamento ou ações voltadas à Comunicação e, sem essa oportunidade, dificilmente teriam condições de ter um publicitário contribuindo para o desenvolvimento e divulgação dessas práticas.

“Dessa forma, os alunos vivenciam, na prática, o papel social da Comunicação, uma vez que deixaram verdadeiros legados e ações que poderão ter continuidade junto às entidades acolhidas. Essa disciplina é, portanto, um módulo de extensão universitária, em que os acadêmicos podem atuar como agentes de transformação, junto à sociedade local e regional”, completa a professora Jozieli.


Texto: Jozieli Cardenal

Fotos: Jonatas Caldato