Notícia

Com circuito de atendimento ao público, cursos da Fadep são destaque na Ação Global 2018

Publicado dia 28/05/2018 às 06:56

Tendo como foco a educação, o desenvolvimento sustentável e os direitos humanos, no último sábado (26), a Ação Global realizou eventos simultâneos em 27 cidades do país, com Pato Branco fazendo parte deste seleto grupo. Repetindo as edições anteriores, foram oferecidos gratuitamente uma série de serviços à população, tais como serviços de saúde, confecção de documentos, cursos de estética e opções de lazer. E foi com esse propósito, qual seja, o de aproximar-se da comunidade local, que a Fadep, através de vários de seus cursos de graduação, se fez presente no evento, realizado, a exemplo dos anos anteriores, na sede do Sesi de Pato Branco.

A novidade da participação da Fadep na edição 2018 da Ação Global ficou por conta do circuito de saúde, no qual os cursos de Enfermagem, Nutrição, Medicina, Fisioterapia, Psicologia, Educação Física, Nutrição e Estética e Cosmética ofereceram uma avaliação bastante pormenorizada da saúde física e mental daqueles que procuraram o serviço. Entre outras coisas, o circuito mediu a pressão arterial, glicemia, risco cardiovascular, peso, altura, índice de massa corporal e postura, entre outras variáveis, além de oferecer orientações sobre cuidados com a pele, alimentação e prática de exercícios físicos.

Na avaliação da responsável por coordenar o grupo de professores e acadêmicos da Fadep que se fez presente na Ação Global, professora Gisele Parzianello, “o evento foi um sucesso sob o ponto de vista dos serviços que a Fadep ofereceu à comunidade, haja vista a grande procura pelo circuito de saúde que estávamos oferecendo, o que, em vários momentos, chegou até mesmo a provocar filas de espera de pessoas interessadas em participar da atividade que estávamos realizando”. Para Gisele, um dos pontos a serem ressaltados em relação à participação da Fadep na Ação Global 2018 foi a integração entre professores e acadêmicos dos diversos cursos que lá estavam. “Vimos uma participação efetiva de professores e alunos, todos em uma ótima sintonia, o que fez com o circuito fluísse de uma maneira muito natural e eficaz, o que dará um bom retorno para comunidade do que diz respeito aos cuidados com a saúde e com a qualidade de vida”, destacou.

Mas não foi só o Circuito de Saúde que fez com que a Fadep fosse um dos destaques desta edição da Ação Global, pois o Greenkar, veículo elétrico desenvolvido pelos acadêmicos e professores dos cursos de Engenharia, também foi responsável por atrair muita gente interessada em conhecer o projeto e, é claro, dar uma voltinha no simpático carrinho. E o interesse de todos pelo Greenkar tem uma explicação, na visão do Coordenador do curso de Engenharia Civil, professor Ernani Benicá Cardoso, para quem, “o fato de termos acreditado, iniciado o projeto e estarmos dando continuidade ao mesmo demonstra a preocupação da Fadep para com as temáticas de grande relevância atual. Fazer exposições e demonstrações com o carro, como a que ocorreu na Ação Global, é uma maneira de mostrar para a sociedade a importância da inovação na engenharia, do investimento em diversificadas matrizes energéticas e em inspirar novas gerações para um futuro mais sustentável”.

Para Luiz Carlos da Silva Filho, Analista de Negócios do Sesi de Pato Branco e Dois Vizinhos, a participação da Fadep na Ação Global 2018, com seus 112 voluntários que, por livre e espontânea vontade, estiveram presentes no Ginásio do Sesi no último sábado, foi determinante para o sucesso do evento, que, conforme destaca, “veio para trazer diversos serviços de saúde, cidadania, educação e profissionalização e sustentabilidade. Luiz aproveitou para parabenizar a todos os Coordenadores de Curso,  “que não mediram esforços para estarem juntos com a gente, mesmo com as dificuldades apresentadas em nosso país". “Para nós é um privilégio ter a Fadep como parceira”, destacou.

Pelo tanto de gente que se envolveu e participou das atividades propostas pelos cursos da Fadep que estiveram presentes na Ação Global 2018, Gisele Parzianello, que também exerce a função de Coordenadora de Extensão da instituição, já vislumbra a possibilidade de manutenção e ampliação do modelo, quer seja no Circuito de Saúde, quer nas demais atividades realizadas, algo que, no seu entendimento, fará com que a Fadep fique cada vez mais próxima da comunidade.