FADEPSelo da ABMES

Pedagogia

O Curso

A formação para a docência segue os pressupostos legais instituídos pela Resolução 01-CNE, em seu Artigo 2º, parágrafos 1º e 2º, como também o que dispõem os incisos I e II, desse mesmo Artigo. Isso significa que a docência é compreendida como ação educativa e processo pedagógico metódico e intencional, que se constrói nas relações sociais, étnico-raciais e produtivas, que se articulam e se inter-influenciam, no dinamismo vital que se desencadeia a partir do diálogo entre diferentes culturas, primando pela preservação de valores fundados na solidariedade e no respeito às diferenças.

Assim, o Curso de Pedagogia da FADEP propiciará a construção de habilidades e competências que permitirão ao profissional formado atuar em planejamento, execução e avaliação de atividades educativas, aplicando ao campo da educação os saberes filosóficos, históricos, antropológicos, ambiental-ecológicos, psicológicos, lingüísticos, sociológicos, políticos, econômicos e culturais, que se produzem continuamente na teia das relações sociais.

Para isso, o acadêmico de Pedagogia construirá sua bagagem de saberes e experiências a partir da pluralidade de conhecimentos teórico-práticos, consolidados pelo exercício da profissão, em intervenções didático-pedagógicas fundamentadas em princípios de interdisciplinaridade, contextualização, democratização, pertinência e relevância social, ética e sensibilidade afetiva e estética. 

A fim de que possa reinterpretar e integrar criticamente novas propostas no âmbito pedagógico, o licenciado em Pedagogia necessita apropriar-se de saberes das ciências da Educação, que lhe permitam o domínio do conhecimento da escola como organização complexa, destinada a promover a educação para e na cidadania.

Assim é que os modelos teóricos não poderão ficar na retórica do “professor reflexivo”, mas imbricar-se no real, pela pesquisa, análise e aplicação dos resultados de investigações de interesse da área educacional. 

Para tal, o licenciado em Pedagogia passará por situações de aprendizagem que lhe permitirão aprender a educar seu olhar para observar e refletir sobre as situações relacionais, pois num momento histórico marcado pela nova divisão transnacional do trabalho e produção que transforma o mundo em uma fábrica global, muitas são as implicações culturais, religiosas, lingüísticas e étnico-raciais que implicam na Educação e podem ser por ela influenciadas positivamente.

O Perfil do Licenciado em Pegagogia

Dada a relevância do contexto sócio-histórico para a práxis pedagógica, o curso de Pedagogia traçou o perfil de seu egresso, tendo como fulcro as exigências postas pela sociedade atual, que exige de seus cidadãos horizontes temporais e geográficos alargados; compreensão sistêmica dos acontecimentos; capacidade de comunicar-se, utilizando-se da vasta gama de recursos e situações disponíveis; interagir, respeitando e fazendo-se respeitar, conforme as manifestações multiculturais, oriundas das nuances étnico-culturais que povoam a terra, agindo como elemento de transformação social, com base nos princípios da ética, da solidariedade e do respeito às diferenças; desenvolver a própria capacidade de superação de limites, autoconhecimento e auto-estima.

O egresso do curso de Pedagogia deverá estar apto a utilizar-se do saber em situações-problema, seja na docência no âmbito da Educação Infantil, anos iniciais do Ensino Fundamental, disciplinas pedagógicas do Ensino Médio, modalidade Normal e Ensino Profissional, demonstrando competências e habilidades para atuar na re-educação das relações sociais e étnico-raciais, adaptando-se a novas situações relacionais, de forma colaborativa e solidária, lidando com situações não rotineiras e inusitadas, sem perder a identidade; demonstrar capacidade de gerir a própria vida e a do grupo em que se insere, assumindo a responsabilidade pelo auto aprimoramento pessoal e profissional constante.

O processo de formação propiciado pelo curso deverá possibilitar ao egresso saber mobilizar os saberes e utilizá-los em situação real, compreendendo a realidade, através do uso de habilidades como a escuta do outro; a observação com a mente, o estabelecimento re relações e a utilização das várias linguagens disponíveis. 

Deverá, também, demonstrar a capacidade de continuar a aprender autonomamente. Para isso, o processo de formação valorizará a curiosidade intelectual, a qualidade cognitiva das aprendizagens; a capacidade de utilização e recriação do conhecimento; o questionamento e a indagação; o pensamento próprio e o desenvolvimento de auto-aprendizagens. 

Para isso, o papel dos professores deve constituir-se numa das fontes de informação processual e da substância da aprendizagem, salientando-se que o espírito crítico faz-se no diálogo, no confronto de idéias e de práticas, na capacidade de se ouvir o outro, mas também de se ouvir e de se autocriticar.

Como afirmou Anne Edwards “O ensino é uma orquestração relacional do tempo e do espaço, do eu e dos outros, dos alunos e do conhecimento, do afeto e da cognição.” (Apud ALARCÃO, 2003, p. 32).

O que você precisa?

FADEP - Faculdade de Pato Branco
Rua Benjamin Borges dos Santos, 1100 - Bairro Fraron
Pato Branco - PR - 46 3220-3000

Fluxo Sistemas